Impotência sexual psicológica existe?

Talvez você nunca tivesse imaginado, mas a verdade é que a impotência sexual psicológica vem se tornando algo cada vez mais corriqueiro atualmente.

O fato é que a impotência psicológica, ou impotência emocional, como também é chamada, envolve uma grande variedade de questões que podem acabar afetando o desempenho masculino na cama.

No entanto, a maioria das pessoas acredita que a impotência ocorre apenas por problemas físicos, especialmente relacionados com o avanço da idade, o que é um erro.

A verdade é que os problemas emocionais podem ser os grandes causadores de uma série de problemas, que acabam se manifestando fisicamente, diferente dos problemas físicos que pode ser tratado com estimulantes sexuais como o tittanus que é um estimulante 100% natural, os problemas psicológicos precisa ser tratados com profissionais da área.

Então, vamos entender um pouco mais sobre a impotência sexual decorrente de fatores psicológicos.

O que é a impotência sexual psicológica

Esse problema nada mais é do que um distúrbio físico que é decorrente de um problema de saúde emocional.

O fato é que alguns tipos de emoções acabam provocando a liberação de altos níveis de adrenalina, que é um neurotransmissor que impede que haja ereção.

Quando essas emoções ocorrem com frequência, o homem pode desenvolver um quadro de impotência que é crônico, caracterizando a impotência sexual emocional.

Nesses casos, é essencial que haja o acompanhamento psicológico para que essas emoções possam ser devidamente tratadas.

Isso é essencial para que o problema seja resolvido.

Principais causas da impotência sexual psicológica

As causas podem ser muitas e bastante variadas, tornando-se cada vez mais comum nos dias de hoje. Além disso, esse problema é mais comum em jovens, ocorrendo com mais frequência em pessoas com idade entre os 24 e 36 anos de idade.

Normalmente ela está muito associada a quadros de ansiedade de desempenho, especialmente nos mais novos, que estão no início da sua vida sexual.

Vamos conhecer outras causas para o problema:

  • Distúrbios de ansiedade
  • Níveis elevados de estresse
  • Traumas causados por acidentes
  • Medos de humilhação causada por fracasso sexual
  • Perda da libido
  • Exagero de padrões estéticos
  • Baixa autoestima
  • Casos anteriores de abuso sexual

Vale lembrar ainda que a impotência é caracterizada pela impossibilidade de conseguir obter ou manter uma ereção em pelo menos 50% das tentativas.

Mais do que isso, falhas podem sim acontecer ocasionalmente causadas por um dia de estresse e etc., mas isso não significa impotência. Todo mundo falha de vem em quando.

No entanto, quando o problema vai se tornando mais frequente, é essencial procurar um médico para estabelecer o tratamento adequado.

Para saber mais sobre o assunto, assista o vídeo abaixo:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *